Barcas: cobertura começa a ser instalada

Cidades
Tpografia
  • Mínimo Pequeno Médio Grande Gigante
  • Fonte Padrão Helvetica Segoe Georgia Times

Operários realizam o trabalho de colocação da cobertura na estação Arariboia, que terá capacidade para até 8 mil passageiros das barcas

Foto: Marcelo Feitosa

O processo de instalação da cobertura na estação das barcas, na praça Arariboia, já começou. Em seguida devem ser iniciados os trabalhos de acabamento. A área passa por um processo de ampliação para melhor atender os passageiros. Segundo a concessionária CCR Barcas, em pesquisa feita entre os usuários do serviço, a reclamação principal era a estrutura das estações, que deixava a desejar. Outro ponto citado pelos passageiros foi o pedido de aquisições de novas embarcações, mais modernas e mais rápidas. 
Um dos passageiros, o advogado Itan Mattos, reclama que o serviço é muito precário e é necessário melhorar bastante o atendimento aos usuários.

“Eu espero que melhore, mas o problema não é só o tamanho da estação e sim as questões das travessias. Nem sempre a barca chega no horário estipulado e nem sempre sai na hora certa também. Eu espero que com a ampliação venham outras melhorias”, diz. 

Outra passageira, a estudante Dominick Mastriani de 19 anos, também espera por melhorias no serviço. 

“Eu torço por uma melhora no período da manhã. É um fluxo muito grande de gente na estação e acaba que é desconfortável a espera para a travessia. Com a ampliação eu espero que melhore nesse aspecto”.

Com o projeto finalizado, a estação deve chegar à capacidade de até 8 mil passageiros, com dois salões fechados e refrigerados. Serão instaladas 48 roletas que facilitarão o acesso dos passageiros. O terreno vizinho, que pertencia à Transtur Aerobarcos, será incorporado à nova estação. Segundo a CCR Barcas, o objetivo é aumentar a comodidade e melhorar o serviço de entrada e saída de pessoas. Ainda não há previsão para o fim da obra.