Combate aos danos ambientais em área de proteção em Maricá

Maricá
Tpografia
  • Mínimo Pequeno Médio Grande Gigante
  • Fonte Padrão Helvetica Segoe Georgia Times

O quiosque e um banheiro de madeira estavam abandonados na orla da cidade

Foto: Divulgação

A Secretaria de Infraestrutura do Município de Maricá, por meio das secretarias de Obras e de Meio Ambiente do município, em parceria com o Instituto Estadual do Ambiente (Inea) e a 6ª Unidade de Polícia Ambiental (6ª UPAm), realizaram na última quinta-feira uma ação de combate aos danos ambientais na Área de Proteção Ambiental de Maricá (APA).

Na operação foram demolidos e retirados os restos de um quiosque e de banheiros de madeira que estavam abandonados e ocupavam a faixa de areia da restinga. Além destes objetos, também foram retirados diversos pneus, depositados irregularmente na área, que acumulavam água da chuva.

Para a retirada dos entulhos foram necessárias diversas viagens dos caminhões da prefeitura, devido à grande quantidade de material acumulado, como geladeiras, freezers e caixas-d’água abandonadas e em péssimo estado de conservação.

A gestão da APA de Maricá realiza frequentes patrulhas na unidade de conservação que, por ser uma área preservada de restinga, sem ocupações na sua maior parte, fica sujeita a práticas danosas ao ambiente.  Objetivo é que as ações, em parceria com outros órgãos gestores da região, sejam cada vez mais frequentes no local, de forma que o lançamento e as ocupações irregulares sejam cada vez menos comuns no seu território.